Escola infantil segue fechada

Pronta desde outubro de 2017, escola infantil segue fechada em Belém Novo. Foto: Felipe Farias/LB
Pronta desde outubro de 2017, escola infantil segue fechada em Belém Novo. Foto: Felipe Farias/LB

    Concluída em outubro de 2017, a escola infantil localizada no bairro Belém Novo, ao lado do Colégio Estadual Dr. Glicério Alves, segue sem atender a população devido a problemas nos editais anteriores. A previsão da Secretaria Municipal de Educação (Smed) é de que a escola comece a funcionar em agosto de 2019.
    Segundo a reportagem do jornal Zero Hora, divulgada no final de maio, a construção para a escola teve um investimento de R$ 1.520.889,72, sendo 42% de recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) e 58% de verba da prefeitura de Porto Alegre.
De acordo com a Smed, a escola tem capacidade para atender 112 crianças em turno integral, porém, devido a "inconsistências", o primeiro edital, lançado em abril de 2018, foi anulado. O segundo, aberto em maio de 2018, também foi anulado devido a uma disputa de recursos entre as candidatas do edital. Já o terceiro, aberto em 2019, já se encontra em fase final, com publicação do resultado previsto para o final de junho.
    Entrevistada pela reportagem, a pedagoga Vanessa Caravaca afirmou que a Associação Beneficente Amurt-Amurtel foi a vencedora do último edital realizado e que todos os documentos já foram encaminhados à prefeitura. Agora a instituição só espera a liberação do poder municipal para visitar a sede da escola infantil e promover uma reunião de acolhimento com a comunidade.
    Para solicitar uma vaga na escola infantil, deve-se encaminhar para a Associação Amurt-Amurtel a certidão de nascimento, comprovante de residência, documento do responsável e carteira de vacinação.